NEWS | Peterlongo chega à China

peterlongo3

Marca que acaba de completar 100 anos já embarcou seu primeiro carregamento para a maior rede chinesa de supermercados

Um dos maiores mercados mundiais de vinhos acaba de abrir suas portas à Peterlongo. A vinícola de Garibaldi, que completou 100 anos em outubro, embarcou no final de novembro o primeiro contêiner de vinhos, espumantes e sucos para o gigante mercado chinês e chega com força máxima, para vender seus produtos na rede Vanguard, maior rede supermercadista da China. Além disso, a marca também passa a ser comercializada em lojas especializadas, restaurantes, bares e hotéis.

As relações entre a Peterlongo e o mercado chinês iniciaram em abril desse ano, durante encontros ocorridos na SIAL China 2015, em Shanghai. Em outubro, seu importador, Jean Koa, esteve em Garibaldi durante as comemorações do centenário da marca. Estrutura produtiva, comemorações e produtos impressionaram, resultando no acordo de importação e início da parceria. A primeira carga de produtos acaba de ser despachada.

Fotos: Miguel de Oliveira

Fotos: Miguel de Oliveira

As relações com o importador da China foram muito bem construídas ao longo de quase todo ano de 2015 e conseguimos posicionar o produto em grandes compradores. Tivemos um primeiro embarque, de contêiner fechado, em novembro e as perspectivas são muito boas no médio prazo. Acreditamos que em breve esse possa ser o destino número um das exportações da Peterlongo e estamos fazendo um grande esforço nesse sentido”, afirma Luiz Carlos Sella, sócio diretor da Peterlongo.

Segundo Ismael Tomedi, supervisor de Exportações da vinícola, a parceria nasce com objetivos de longo prazo. “O nosso importador conhece bem os produtos brasileiros e o mercado chinês. E nós fomos a campo para entender melhor a demanda chinesa e chegar com força nos nichos que queremos atender. Acreditamos que teremos uma parceria longa e muito produtiva”, destaca o supervisor comercial.

Sella, por sua vez, ainda vibra com a retomada da atuação forte da marca no mercado internacional. “Na década de 1940 a Peterlongo chegou com seus primeiros produtos ao mercado internacional. Na época, tornou-se marca conhecida em redes de lojas americanas. Essa trajetória internacional vem sendo retomada nos últimos anos, com nossa chegada a países da América Latina e agora da um grande passo, com a comercialização na China. Todo preparo e investimentos realizados nos últimos anos culminam, justamente no ano do centenário, com os primeiros embarques em grande volume para o mercado asiático”, afirma Sella.

Primeiro carregamento chega à China

Primeiro carregamento chega à China

Fundada em 1915, pelo imigrante italiano Manoel Peterlongo, a vinícola transformou-se em ícone da produção brasileira ao longo dos anos. Primeira marca nacional de vinhos e espumantes a exportar seus produtos, brindou grandes recepções de governos brasileiros, serviu monarcas europeus, foi ícone nas relações com seus trabalhadores e na valorização das mulheres.

Atualmente a empresa elabora mais de 5 milhões de litros de bebidas por ano e foca em espumantes e champagnes – a Peterlongo é a única empresa nacional com direito de uso do termo, e vinhos finos. Atualmente, a propriedade em Garibaldi possui mais de 50 mil m², sendo que suas instalações em basalto remontam à década de 1930. Em Encruzilhada do Sul a vinícola possui cerca de 220 mil m² de área, onde são cultivadas as uvas destinadas à produção de vinhos finos.

 

Gostou? Deixe um comentário: