TASTING | Malbec de terroir

A tríade uva Malbec sobremadura, álcool nas nuvens e madeira quase mastigável, que tanto agrada aos enófilos brasileiros, estandardizou boa parte dos vinhos argentinos de Mendoza. Felizmente, há exceções a esta receita fácil. A vinícola Altos Las Hormigas aposta em vinhos de terroir, elegantes e minerais. A mineralidade extraida dos solos calcários de Luján de Cuyo, a 800 metros de altitude, nas fraldas da Cordilheira dos Andes, confere frescor e vivacidade a este Altos Las Hormigas Malbec Clásico 2013. Diferentemente da ardência mais óbvia da acidez, a mineralidade responde por uma deliciosa tensão em boca. Este vinho tem 13,5% de álcool, delicada extração, e apenas parte do volume (não declarada) estagiou por nove meses em barricas de carvalho. Resultado: um vinho mais leve, moderno, com boa fruta, que aponta um novo caminho para Mendoza. Vendas: Sommelier Vinhos.

Gostou? Deixe um comentário: