TASTING | Merlot catarinense de garagem

Os chamados “vinhos de garagem”, artesanais, elaborados em pequena escala por vinhateiros apaixonados, geralmente nos surpreendem – para o bem ou para o mal. Este Istepô Merlot 2012, da Quinta da Figueira, de Florianópolis (SC), é uma dessas belas surpresas. Natural, quase zero sulfito (10 ppm SO2), segundo o enólogo Rogério Gomes, teve “arranque” espontâneo na fermentação (só necessitando de leveduras selecionadas mais tarde) e estagiou por apenas três meses em barricas de carvalho americano novas – o suficiente para amaciar o vinho sem comprometer os deliciosos sabores de ameixas e amoras maduras. Elegante no nariz, com bom volume de boca, é pura expressão da fruta, ao melhor estilo margem direita de Bordeaux. Definitivamente, depois da Quinta da Figueira Florianópolis não é mais “apenas” a capital brasileira das mais de 40 praias paradisíacas.

Gostou? Deixe um comentário: