TASTING | Pinot Noir do frio canadense

O Canadá é uma grata surpresa em matéria de vinhos. Além de seus conhecidos icewines, o país também elabora hoje em dia ótimos brancos à base de Riesling e Chardonnay. Mas, mesmo com tanto frio e neve em boa parte do ano, as vinícolas canadenses também investem  em tintos. Este Cave Spring Pinot Noir 2009 é uma tentativa de replicar, na Península de Niagara, o sucesso da borgonhesa Pinot Noir nas áreas mais frias do Oregon (EUA). Com 13% de álcool, cor rubi claro, nariz discreto, notas de morango e framboesa no palato e acidez vibrante é um vinho leve, para ser bebido refrescado, descontraidamente, em companhia de queijos delicados e até com peixe. Preço no varejo: R$ 149. Importação: Porto a Porto.

Gostou? Deixe um comentário: