TASTING | Pinot Noir para o Outono

Nova e promissora região vinícola brasileira, os Campos de Cima da Serra, na divisa do Rio Grande do Sul com Santa Catarina, produzem bons espumantes, brancos aromáticos e tintos leves. A altitude de cerca de 950 metros, o frio no inverno, a amplitude térmica (diferença entre as temperaturas do dia e da noite) no verão, e o vento que seca as vinhas contribuem para uma maturação mais lenta das uvas, ajudam a concentrar polifenois e garantem uma boa sanidade aos cachos. Desse conjunto de fatores resultam vinhos delicados, com aromas marcantes, moderado volume de álcool e boa acidez. Como este Sopra Pinot Noir 2014, um tinto gastronômico, de nariz frutado, com um toque mineral em boca, que pode até escoltar carnes de aves ou de peixes. Vinho  descomplicado, fresco, ideal para as noites mais amenas do Outono.

Gostou? Deixe um comentário: