TASTING | Tinto de Graves com bom potencial de guarda

Os vinhos brancos reinaram por muito tempo em volume e qualidade sobre os tintos na Appellation Graves, um dos terroirs mais interessantes de Bordeaux, na França. Hoje, no entanto, para cada garrafa de branco rotulam-se duas de tintos. Os Graves brancos são, de fato, mais complexos. Mas seus tintos possuem personalidade marcante e bom potencial de guarda. Este Chatêau Le Bernet 2010 rouge, por exemplo, está em plena forma. Elegante, quase austero, tem notas de hortelã e fumaça no nariz, taninos bem domados, álcool (13%) e acidez em perfeito equilíbrio. A tostagem da madeira aporta um delicioso final de boca com gosto de café. O corte é o bordalês clássico: Cabernet Sauvignon, Merlot e Cabernet Franc. Importação e vendas: Vinho & Ponto.

Gostou? Deixe um comentário: